article inline adarticle inline ad

21 atléticas da Unesp, seis festas, duas divisões e diversas ações sociais atreladas ao evento: saiba mais sobre a parte social do O Inter!

Maior torneio universitário da América Latina, O Inter, vai reunir entre os dias 14 e 17 de novembro milhares de estudantes na cidade de São José dos Campos. Além de 13 modalidades em disputa por 21 atléticas da Unesp e seis festas com atrações de peso, o campeonato também se destaca pelas ações sociais, realizadas desde 2013.

Uma das pessoas por trás das ações socioculturais da 19ª edição d’O Inter é a doutoranda em Ensino de Ciências da Unesp de Bauru, Helena Salla, de 29 anos. Ex-presidente da Atlética de seu campus e com passagem pela comissão sociocultural da Liga do Inter em 2017. Hoje, ela trabalha na Usina Universitária, empresa que venceu a licitação do campeonato em 2019 na área de projetos socioculturais.

“Quando a gente chega numa cidade-sede, obviamente geramos um impacto, tanto positivo (financeiramente), como negativo (na rotina dos moradores), ainda mais se for uma cidade pequena. De maneira geral, o impacto é negativo, na minha avaliação”, afirma. Para a responsável pelas ações, as iniciativas sociais do campeonato são uma forma de reduzir o impacto negativo na cidade-sede. 

Além disso, O Inter também promove ações nas 24 cidades que possuem campi da Unesp. Para Helena, é também uma chance de retribuir à população. “Estamos todos em universidades públicas, que são financiadas por verbas governamentais. Nada mais justo do que a gente devolver um pouco pra sociedade local o investimento que nos foi feito”, diz.

Principais ações d’O Inter Social

A 19ª edição d’O Inter focou em cinco ações sociais. Saiba mais sobre cada uma!

Feira de Profissões da Unesp

A Feira de Profissões da Unesp teve a participação de mais de 80% dos campi e levou aos adolescentes de São José dos Campos informações sobre todos os cursos da universidade. A ação surgiu em 2017 e foi encabeçada pela própria Helena, quando Bauru sediou o campeonato. 

“A feira desse ano deu muito certo, tivemos participação de pessoas que não são das atléticas. A gente teve uma verba da reitoria de 20 mil pra fazer esse projeto e acho que ele segue vivo pros próximos anos. Para reitoria, é muito interessante porque basicamente estamos organizando um evento que seria obrigação deles organizar”, comenta a doutoranda.

Interdiversidade

A comissão sociocultural do Inter também promoveu, ao longo de 2019, uma série de ações no âmbito do InterDiversidade. O projeto produziu uma série de capacitações internas para a Liga, visando discutir questões como privilégios, violência contra a mulher, machismo, racismo e LGBTfobia.

“A gente trabalha agora na sensibilização dos terceirizados e da produção do Inter, vamos conversar com todo mundo que está no evento para diminuir a incidência de casos. Vamos trabalhar também com a arbitragem, com sensibilização e capacitação”, conta Helena.

InterRecicla

Como todo campeonato entre universidades, O Inter é um grande produtor de lixo, entre festas, alojamentos e ginásios. Pensando nisso, uma das ações promovidas pela Comissão é o InterRecicla. 

Ao longo do ano, a Liga incentivou a arrecadação de lacres de alumínio, que esse ano serão trocados por quatro cadeiras de rodas e postagens sobre educação ambiental nas páginas de cada atlética. 

Além disso, o campeonato também estabeleceu uma parceria com uma cooperativa local para destinação e tratamento dos resíduos produzidos ao longo de todo o Inter.

DoaUnesp

Já no DoaUnesp, as 24 atléticas participantes d’O Inter realizaram campanhas de doação de sangue em suas cidades e arrecadaram mais de 500 bolsas de sangue a cada ano. 

“Atrelado a essa campanha do Doa Unesp, a gente vem discutindo nos últimos anos a questão do wasted blood, que é a impossibilidade de pessoas LGBT doarem sangue pela questão do grupo de risco, o que ainda é uma prerrogativa dos hemocentros e é bem preconceituosa”, conta Helena.

Previna-se

A outra ação promovida pelo Inter é o Previna-se, um projeto de educação sexual que teve como foco publicações nas redes sociais com o objetivo de reforçar a importância da prevenção.

O Inter: saiba mais sobre a competição

Antigamente conhecido como InterUnesp, O Inter chega a sua 19ª edição com a participação de 21 atléticas nas disputas esportivas, divididas em duas divisões. A grande campeã do torneio é o campus de Bauru, que levou o caneco em 10 oportunidades. 

A Atlética de Presidente Prudente venceu as últimas quatro edições consecutivamente e se aproxima do feito de Bauru, com sete títulos. Além das duas, Rio Claro e Botucatu já chegaram no topo do pódio. 

Esse ano, as atléticas vão disputar o título em: atletismo, basquete, futebol, fut7, futsal, handebol, natação, tênis, tênis de mesa, voleibol, voleibol de praia, xadrez, judô. 

Além disso, O Inter promove desde 2007 um desafio de cheerleading e baterias, que tem como grande vencedora a Psicoteria, da Unesp de Rio Preto.

Chute da BEAT: O Inter 2019