O primeiro Pan Americano Universitário da história, o FISU América, aconteceu na última semana em São Paulo.

Além dos bons jogos e resultados obtidos, a competição também deixou um bom legado aos olhos dos atletas participantes.

Confira os depoimentos de atletas brasileiros e estrangeiros sobre como foi o campeonato a seguir:

O que os atletas do 1º FISU América acharam

Tênis de mesa – Brasil

“Sou suspeito a falar, já que ganhei medalha de ouro na minha modalidade (tênis de mesa). Mas ficará marcado para sempre esses jogos, porque é meu primeiro pan que participo.

E a emoção de você representar o Brasil, após passar por uma seletiva, não existe melhor sensação. Altíssimo nível, estrutura e organização muito boa também.

Em relação a integração foi muito legal poder conversar com pessoas de outros países, sentir esse clima de competição internacional.

E na minha modalidade, procurei não me importar com isso, tentei analisar mais o jogo em si de cada adversário.” Fábio Bucci

Atletismo Paralímpico – Brasil

“Disputar o FISU foi a realização de um sonho. Poder representar nosso país e dentro da nossa própria casa. Ainda mais aqui no CT que é onde competimos normalmente.

Ter participado de uma competição internacional foi muito lindo e não tenho palavras pra dizer a sensação que é ter disputado esses jogos” Paulina

Futsal  masculino – Costa Rica

“Vivemos experiências incríveis. Foi algo totalmente novo para nós representar nosso país em um campeonato pan-americano. Por isso, estou muito feliz” José Ramirez

Vôlei masculino – Estados Unidos

“Eu amei o tempo que passei no Brasil. Conheci pessoas muito legais de diversos países. O FISU foi um evento muito animado, sempre víamos pessoas se divertindo.

Foi uma experiência fantástica poder jogar com outros países. Foi muito legal trocar culturas e eu estou muito orgulhoso de poder ter disputado” Parker Swartz 

Futebol masculino – Argentina

“Foi excelente, passamos por momentos muito legais com os outros países, muitas coisas boas vivemos.

Só fiquei um pouco chateado pelo fato de chegar no Brasil as 5h da manhã e já ter jogo marcado para as 9hrs.

Porque isso nos prejudicou um pouco. Embora a partida tenha atrasado e começado só às 13h.

A organização não teve culpa que nossa viagem atrasou, mas eles poderiam ser um pouco mais flexíveis e entender nosso lado. Mas tirando isso, foi uma experiência incrível” Cristian Diaz

Basquete feminino – Chile

“Foi tudo muito lindo. Compartilhei momentos incríveis com pessoas de outros países e até do meu próprio país.

Além disso, gostei muito do ambiente, da alegria que tem o brasileiro, a motivação e de toda a organização” Yenicel Torres

Vôlei masculino – Canadá

É muito legal estar aqui. Eu nunca tinha vindo pro Brasil antes, então poder mostrar nossa cultura e conhecer a cultura dos outros países é incrível.

Mas representar o esporte do meu país é a coisa mais importante. A competição foi ótima, tivemos alguns jogos difíceis mas que também foram bons. 

Além disso, foi incrível isso de ter vários jogos acontecendo ao mesmo tempo. Enquanto o vôlei jogava, o basquete também fazia sua partida, o futsal acontecendo. Foi incrível” Ben Lieuwen

Esporte universitário internacional

Pan Americano: as diferenças do esporte universitário na América
Gustavo Borges no Fisu Games: “quando eu era universitário…”